Razões para a Casa da Gestante, Bebê e Puérpera da Maternidade‑Escola Assis Chateaubriand

Carlos Augusto Alencar Junior

Resumo


A Casa da Gestante, Bebê e Puérpera (CGBP) é uma unidade de cuidado peri-hospitalar que acolhe, orienta, cuida e acompanha gestantes e puérperas que necessitam de vigilância mais frequente de suas condições de saúde, por apresentar situação de vulnerabilidade, mas não exigem hospitalização, e que apresentem dificuldade de deslocamento frequente em decorrência da distância e/ou outros obstáculos ao deslocamento. Para o recém-nascido servirá, quando clinicamente estável, para sua recuperação nutricional, quando ainda necessite de atenção diária da equipe de saúde, mas sem a exigência da internação, ou para adaptação de seus cuidadores no manejo de cuidados específicos que serão realizados em seu domicílio. No caso das puérperas também será útil quando seu recém-nascido estiver internado em unidade de terapia intensiva ou intermediária e existir dificuldade para o deslocamento diário da sua mãe. Por essas características deve situar-se nas imediações do hospital de referência.

Texto completo:

PDFA


DOI: http://dx.doi.org/10.20513/2447-6595.2017v57n1p6-7

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Revista de Medicina da UFC

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Diretórios:

PKP


Indexação:

Google AcadêmicoCrossref